A valorização das pessoas é a tona do mercado, pois é um dos maiores fatores relacionados a competitividade das empresas. A motivação é intrínseca de cada individuo, entretanto a felicidade pode ser avaliada. Pensando nisso, foi criado um sistema de avaliação, implantado pelo Rei do pais Butão. Nesse ponto, o Rei começou a avaliar a felicidade de sua população, e entendendo os fatores que os levavam a serem felizes.

O FIB é avaliado em 9 Pontos:

  1. Bem estar Psicológico
  2. Saúde
  3. Uso do Tempo
  4. Vitalidade Comunitária
  5. Educação
  6. Cultura
  7. Meio Ambiente
  8. Governança
  9. Padrão de Vida

Algumas empresas já adaptaram a utilização do FIB para dentro do seu negócio, e avaliam os funcionários relacionados a sua felicidade. Você pode aplicar dentro da sua empresa essa avaliação, e começar a entender como as pessoas são felizes e quais fatores podem e devem ser melhor trabalhados internamente na sua gestão.

No Brasil existe o grupo que realiza encontros sobre o tema, e para mais informações acesse: http://www.felicidadeinternabruta.org.br/